O sentir.... o intuir....o estar...

A sua alma se lembra... Seja o que for que você tenha esquecido a cerca do amor incondicional, da paz... A sua alma se lembra! Ela se lembra que há uma conexão interna com um espaço onde você é livre da culpa e de todas as energias que deprimem e fazem você acreditar que é menos perfeito. Sua alma se lembra do propósito pelo qual você está aqui e todas as tarefas que você aceitou concluir... Sua alma é ciente de todas as falhas e compreende os medos em separar-se da Fonte... Ela guarda essa memória a fim de impulsioná-lo ao cumprimento de sua jornada, a lembrá-lo dos desequilíbrios energéticos que precisa integrar novamente. A alma sabe que se originou da Perfeição e que seu caminho de regeneração lhe trará novamente a harmonia e a Divindade. A alma é a Presença Divina em você! Ela guarda a memória da divindade até que ocorra sua conexão com ela. A memória humana está centrada nas limitações, na carência e imperfeição, e, por isso, é necessário que sua alma se lembre que você é luz, semelhança humana da Fonte. Sua luz brilha interna e externamente! A alma aguarda pacientemente que você reconheça a sua presença! Ela pode ajudá-lo quando sentir que fracassou na sua jornada ou quando precisa conectar-se com a paz interior, enquanto a realidade está mergulhada no caos. Ela mantém sob proteção suas memórias mais preciosas e cada vez que se esquecer de quem você é e do motivo de sua jornada ela terá todas as respostas. Medite e busque dentro de você as belas lembranças do Lar que a sua alma guarda e encontre a paz mediante a certeza de que não está aqui sozinho. A parceria com a sua alma é a alegria e o amor que lhe envolvem, protegem e que estão à sua disposição! Conecte-se com a sua alma! (Desconheço a autoria)
 
 
"Eu sou quem quer que você pense
que eu sou, porque isso depende
de você.

Se você olhar para mim num vazio
total, eu serei de uma maneira.

Se olhar para mim com ideias na
mente, essas ideias vão me colorir.

Se se aproximar de mim com
preconceito, então serei de outra
maneira.

Eu sou apenas um espelho.

A sua face será refletida nele.

Assim, depende da maneira como
me olha.

Eu desapareci completamente,
portanto, não posso impor a você
quem sou.

Nada tenho para impor.

Existe apenas um vácuo, um
espelho.

Agora você tem completa
liberdade.

Se quiser realmente saber quem
sou, você precisa estar tão
absolutamente vazio quanto eu.

Desse modo, dois espelhos estarão
um diante do outro, e só o vazio
será refletido.

Um vazio infinito será refletido:
dois espelhos se olhando.

Mas se existir em você alguma
ideia, então, você verá sua própria
ideia em mim."

Autor Desconhecido

Comentários

Postagens mais visitadas