Pular para o conteúdo principal

A triplice no paradigma da psicologia Transpessoal




  ESPIRITUALIDADE: segundo o paradigma holístico-transpessoal nós somos seres espirituais e temos transitoriamente um corpo físico. Somos portanto muito mais que os nossos corpos físicos. A ciência materialista diz exatamente o contrário, tudo o que somos, o que sentimos, a nossa consciência está diretamente ligada aos nossos órgãos. A consciência, por exemplo, é resultado de interações  físico-químicas no cérebro. Conforme veremos adiante as pesquisas com as ciências naturais como a física e a biologia têm demonstrado o contrário disso. Os dados demonstram que o corpo físico é apenas um reflexo do espírito. A espiritualidade, portanto é algo inerente ao ser humano. Todos nós buscamos a nossa própria espiritualidade, encontrar a nossa essência interior, quer estejamos conscientes ou não disso. Todo ser humano busca um sentido para a sua vida, ato na qual reside a sua espiritualidade. O vazio existencial na qual a civilização ocidental se encontra imersa hoje, vem exatamente do distanciamento da própria espiritualidade a que ela foi lançada pelo paradigma materialista. Espiritualidade, portanto, significa a busca da própria essência interior, fato que se constitui uma necessidade de todo ser humano. Por isso que toda ciência tenderá, de agora em diante, sob pena de se tornar estéril e inútil, a proporcionar  este auto-encontro ao ser humano. Este é o grande papel dapsicologia transpessoal.

RELIGIOSIDADE: A palavra religiosidade se origina do latim religare, ato de ligar alguma coisa a algo que já foi ligado.  A religiosidade é o ato que leva a criatura a se religar ao seu Criador. É uma conseqüência da espiritualidade, pois na medida em que ocorre o encontro consigo mesmo em essência, com a sua essência divina, o ser humano sente a necessidade de se religar a Deus, Fonte da vida. É também um sentimento inato de todo ser humano pois existe em todas as culturas, em todos os povos. Por mais que o paradigma materialista tente sufocar este sentimento no ser humano, ele está sempre buscando se religar a Deus, pois isso está em sua própria natureza. Quando a criatura busca o auto-encontro, automaticamente ela também busca se encontrar com o seu Criador. A religiosidade pode ou não fazer com que a pessoa busque uma religião. Existem pessoas que são avessas a uma religião formal, apesar de cultivarem a espiritualidade e a religiosidade. A verdadeira ciência tem o papel de oferecer subsídios aos seres humanos para que ampliem a sua visão de espiritualidade e de religiosidade, para que se libertem do fanatismo, da superstição e do pensamento mágico que ainda subsistem em muitas religiões. Na medida em que a ciência torna claros e lógicos todas as questões referentes ao Espírito no seu processo de ser um Ser em evolução e a Deus como sendo uma Grande Energia Criadora que organiza e comanda o universo, ela cumpre o seu papel de proporcionar um sentido para a vida ao Ser Humano. Proporcionar ao ser humano a religiosidade, fazendo com que ele se religue ao seu Criador, resgatando-o do materialismo que o desligou Deste, é também um grande compromisso da psicologia transpessoal.

           RELIGIÃO: a religião é o ato de formalizar através de um conjunto de práticas a busca de uma ligação com algo transcendente. As religiões deveriam cumprir um papel de desenvolver no ser humano a espiritualidade e religiosidade, porém nem todas cumprem esse propósito. A grande maioria das religiões ainda está presa a dogmas, ao fanatismo, a superstição, ao pensamento mágico que faz com que o ser humano se afaste da própria essência e do Deus cósmico, Energia Criadora do Universo. Muitas religiões inclusive são regidas pelo próprio paradigma materialista, em nome das quais, criam-se guerras “santas”, morte e destruição de pessoas e ideais. Por isso muitas pessoas, dentre os quais muitos cientistas, se afastam dela. Por verem nela um cerceamento da liberdade de discernir do ser humano.  No entanto, as verdadeiras religiões têm em sua essência a idéia real da espiritualidade e religiosidade, que se constitui o ponto de união entre as mesmas. O grande papel da ciência é oferecer à religião subsídios para que se estreite mais  esse ideal de espiritualidade e religiosidade, de modo a que se dissipe essa grande fragmentação a que se lançaram as centenas de religiões existentes no mundo. Apesar de não ter nenhum vínculo com qualquer religião, ao fortalecer os sentimentos de espiritualidade e religiosidade, a psicologia transpessoal pode se tornar um grande auxiliar das religiões sérias que buscam este ideal. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

12 maneiras de jogar energia fora...

Por mais que existam pessoas desequilibradas e difíceis nós é que somos responsáveis pelas nossas energias e cabe a cada um de nós preservá-la e administrá-la da melhor forma possível. Existem “receitinhas”, orações, banhos, cristais e um arsenal de proteção, que são válidos e eficientes até um certo ponto. Porque aquele que não assume a responsabilidade por suas venturas e desventuras sempre estará vulnerável às energias ao seu redor. Sabe por que o outro rouba a sua energia? Porque você deixa a porta aberta!!! E depois ainda diz que a culpa é do outro… Para ajudar a refletir, fiz uma listagem de doze atitudes (e olhe que a lista é imensa!) que gastam uma tremenda energia vital. Uma vez desvitalizado e sem proteção fica fácil para qualquer um chegar perto e perturbar seu equilíbrio. Use esta listagem também para pensar porque a prosperidade às vezes passa longe de você. A energia que seria usada para atrair o bem, a felicidade, o amor, o dinheiro acaba sendo gasta de …

עילי בוטנר ורן דנקר - בואי נעזוב

Agradecer sempre!!!

Você sabia que o Universo se comunica conosco o tempo todo e nos envia respostas, mensagens e sinais, de acordo com nossos desejos e necessidades? Estes sinais se manifestam através do fenômeno que conhecemos como sincronicidade, ou seja, no momento em que você necessita de algo, ou de que alguma situação aconteça, aquilo se manifesta repentinamente em sua vida. Mas eles não se apresentam somente com soluções grandiosas ou espetaculares. Manifestam-se igualmente nos acontecimentos rotineiros. A prova incontestável de que você está vivendo e atuando numa parceria harmoniosa com a vida, é a presença destas sincronicidades em seu dia-a-dia. Para percebê-las, é necessário que você esteja atenta e consciente de que o Universo sempre responde, de alguma forma, a todos os seus pedidos. Se você vinha recebendo estes presentes e, de repente, eles pararam de acontecer, saiba que algo saiu do eixo em seu plano de vida..... É indício de que você se deixou perturbar por alguma forma de negativida…