Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro 26, 2012
Fotorkut.com.br

Considere o seguinte.

Nós, seres humanos somos seres sociais. Nós viemos ao mundo como o resultado das ações dos outros. Por isso necessitamos sobreviver “aqui” na dependência dos outros. Quer queiramos ou não, dificilmente haverá um momento de nossas vidas em que não nos beneficiemos das ações dos outros. Por esta razão, não é de surpreender que uma parte maior de nossa onda de felicidade os nossos relacionamentos com outros.

Também não é tão notável que a nossa maior alegria deve vir quando somos motivados pela preocupação com os outros.

Mas isso não é tudo.


Nós achamos que não só as ações altruístas pueden trazer felicidade, mas também diminuir a nossa experiência de sofrimento. Aqui eu não estou sugerindo que o indivíduo, cujas ações são motivadas pelo desejo de trazer a felicidade dos outros, necessariamente, reúne-se com menos do que uma desgraça que não seja doença velhice, acidentes de um tipo ou de outro são como é que é todos para nós. Mas os sofrimentos que abal…
Osho- Profundamente Adormecido, Mesmo Desperto



Você dorme quando dorme, mas dorme também quando está desperto. O que isso significa? — pois é isso o que diz Buda, é o que diz Jesus, é o que diz Heráclito. Você parece bem acordado, mas apenas na aparência; no fundo está sempre dormindo. Até mesmo agora está dormindo por dentro: continuam mil e um pensamentos — e você não tem consciência do que está acontecendo, não percebe o que está fazendo, não sabe quem você é. Move-se como as pessoas que se movem dormindo. Você já deve ter visto alguém que se move dormindo, faz uma coisa, faz outra, e depois volta para a cama. Há uma doença chamada sonambulismo. Muitos levantam-se à noite de suas camas; seus olhos estão abertos, podem se mover! — movimentam-se, encontram a porta. Vão à cozinha, comem alguma coisa, voltam e deitam-se na cama. E se de manhã alguém pergunta o que fizeram, eles não sabem dizer. No máximo, se tentarem se lembrar, acharão que à noite tiveram um sonho no qual se levantaram…