Pular para o conteúdo principal

Fluxo......

Muitas vezes relutamos contra o fluxo, remamos contra, inutilmente, nos desgastamos e acabamos carregados, chegamos ‘onde’ chegaríamos, porém exaustos e atrasados. Nem sempre olhamos pra isso como um aprendizado, na verdade não vemos quando estamos imersos nas ações do ego, do achar que há o controle.

Normalmente seguimos o fluxo sem nos darmos conta do que nos levou a determinado caminho, ainda assim estamos distraídos sem compor a sintonia. É comum deixamos a condução por conta de outros e nem sabemos direito onde vai chegar e o caminho que foi percorrrido.

Algumas vezes singramos atentos e desfrutando da condução e suas passagens, e sem preocupação chegamos a uma bela margem e quando assim agradável, podemos nos enroscar por ali entre flores, mas ainda sim paramos de fluir, de darmos continuidade. Pelo encantamento e comodidade, estagnamos.

Poucas vezes nos lançamos. Hesitamos em nos arriscar, então acabamos por não nos permitir estar no fluxo, estagnamos antes de experimentar, estáticos perante o novo, o desconhecido, por falta de entrega e norteados pela dúvida e pelo medo.

Pouquíssimas vezes superamos a dúvida e seguimos confiantes, aceitando o caminho como ele for, aprendendo a lidar com os obstáculos com coragem e a desfrutar das belezas das margens, mas mantendo o fluxo em constância. É comum pararmos deslumbrados ou ainda nos recolhermos para lidar com os obstáculos e assim atrasamos o fluxo.

Raramente construímos a sintonia que nos permite a entrega, o salto para receber e vivenciar o novo, fluindo na fé e na sabedoria para contornarmos os obstáculos que já não o são, assim como saborearmos a beleza das margens sem nos prendermos a elas, recebendo cada vez mais beleza do caminho que se segue… com a certeza da integração ao chegar e continuar a fluir em outra oitava… de rio passando ao mar.

Somente a entrega e constância nos ensina a transitar pelo caminho. Embora algumas vezes seja imprescindível pararmos para um fôlego e ampliarmos a visão é importante a atenção para a diferença que há em aprender seguindo, fluindo e acreditando que estamos no fluxo que construímos, conscientes ou inconscientes.

Que esse fluxo seja construído conscientemente e que a entrega seja total nos mantendo em aprendizado pela constância de transitarmos pelo próprio fluxo que sintonizamos!”

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

12 maneiras de jogar energia fora...

Por mais que existam pessoas desequilibradas e difíceis nós é que somos responsáveis pelas nossas energias e cabe a cada um de nós preservá-la e administrá-la da melhor forma possível. Existem “receitinhas”, orações, banhos, cristais e um arsenal de proteção, que são válidos e eficientes até um certo ponto. Porque aquele que não assume a responsabilidade por suas venturas e desventuras sempre estará vulnerável às energias ao seu redor. Sabe por que o outro rouba a sua energia? Porque você deixa a porta aberta!!! E depois ainda diz que a culpa é do outro… Para ajudar a refletir, fiz uma listagem de doze atitudes (e olhe que a lista é imensa!) que gastam uma tremenda energia vital. Uma vez desvitalizado e sem proteção fica fácil para qualquer um chegar perto e perturbar seu equilíbrio. Use esta listagem também para pensar porque a prosperidade às vezes passa longe de você. A energia que seria usada para atrair o bem, a felicidade, o amor, o dinheiro acaba sendo gasta de …

עילי בוטנר ורן דנקר - בואי נעזוב

Agradecer sempre!!!

Você sabia que o Universo se comunica conosco o tempo todo e nos envia respostas, mensagens e sinais, de acordo com nossos desejos e necessidades? Estes sinais se manifestam através do fenômeno que conhecemos como sincronicidade, ou seja, no momento em que você necessita de algo, ou de que alguma situação aconteça, aquilo se manifesta repentinamente em sua vida. Mas eles não se apresentam somente com soluções grandiosas ou espetaculares. Manifestam-se igualmente nos acontecimentos rotineiros. A prova incontestável de que você está vivendo e atuando numa parceria harmoniosa com a vida, é a presença destas sincronicidades em seu dia-a-dia. Para percebê-las, é necessário que você esteja atenta e consciente de que o Universo sempre responde, de alguma forma, a todos os seus pedidos. Se você vinha recebendo estes presentes e, de repente, eles pararam de acontecer, saiba que algo saiu do eixo em seu plano de vida..... É indício de que você se deixou perturbar por alguma forma de negativida…