Pular para o conteúdo principal

Como se tornar um Mestre



Uma História Sufi...

Um discípulo perguntou a Nasrudin:

- Como você se tornou um mestre espiritual?

- Todos nós já sabemos o que precisamos fazer em nossas vidas, mas nunca aceitamos isso, respondeu Nasrudin.
Para entender esta verdade, precisei passar por uma situação curiosa.

"Certo dia, eu estava sentado na beira de uma estrada pensando no que fazer, quando chegou um homem e postou-se diante de mim. Para afastá-lo dali, eu fiz um gesto, e ele o repetiu. Achei aquilo engraçado, e fiz outro gesto.
Ele me imitou, e acrescentou um novo movimento.

Nós começamos a cantar e a realizar toda sorte de exercícios. Eu me sentia cada vez melhor, e passei a adorar o meu novo companheiro.

Algumas semanas se passaram, e um dia perguntei-lhe:

- Diga-me: o que devo fazer a seguir, Mestre?

E o homem replicou:

- Mas eu pensei que você era o Mestre!"


Sempre convivi com pessoas que viviam e vivem à cata de informações sobre seu passado, sobre a sua missão na atual vida, seu papel neste mundo.


Esquecem que na vida nossa desde o nascimento, através dos pais que nos acolheram, da família, dos locais, paises em que nascemos ou viajamos para outra pátria...
a grande maioria dos acontecimentos marcantes que nos impulsionaram fazem parte ou é nossa real missão, a grande razão do nosso viver.

Direcionados por nós mesmos, tomamos o rumo que havia sido traçado.

Vezes, intentamos burlar a rota, mas sempre lá na frente aparece a questão(na mesma forma ou com outra roupagem) que deveríamos ter resolvido.
Há também, claro, a questão das escolhas; nossas ou forçadas pelos envolvimentos familiares ou pelo social.
Não tenhamos dúvidas: sempre temos algum ou total poder decisório sobre estas.


Olhe bem sua vida, analise com cuidado, "olhe para dentro"...

encontrará as suas respostas.
Seja honesto consigo mesmo, reconheça seus acertos mas não esconda seus erros.
Um bom modo de avaliar nosso lado sombra é observar tudo aquilo que me incomoda tanto no outro, tudo que critico em excesso.

Assim como nenhuma folha cai sem a permissão divina...
e nem sempre a nossa cruz é a mais pesada...
devemos ter cuidado com o que emitimos em forma de pensamentos.
Plasmamos nosso presente e moldamos nosso futuro.
As palavras têm poder!
O pensamento também.

Grande é o número de pessoas ajoelhados no muro das lamentações.
Poucos os que estão no Altar do Agradecimento pelas conquistas alcançadas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

12 maneiras de jogar energia fora...

Por mais que existam pessoas desequilibradas e difíceis nós é que somos responsáveis pelas nossas energias e cabe a cada um de nós preservá-la e administrá-la da melhor forma possível. Existem “receitinhas”, orações, banhos, cristais e um arsenal de proteção, que são válidos e eficientes até um certo ponto. Porque aquele que não assume a responsabilidade por suas venturas e desventuras sempre estará vulnerável às energias ao seu redor. Sabe por que o outro rouba a sua energia? Porque você deixa a porta aberta!!! E depois ainda diz que a culpa é do outro… Para ajudar a refletir, fiz uma listagem de doze atitudes (e olhe que a lista é imensa!) que gastam uma tremenda energia vital. Uma vez desvitalizado e sem proteção fica fácil para qualquer um chegar perto e perturbar seu equilíbrio. Use esta listagem também para pensar porque a prosperidade às vezes passa longe de você. A energia que seria usada para atrair o bem, a felicidade, o amor, o dinheiro acaba sendo gasta de …

Agradecer sempre!!!

Você sabia que o Universo se comunica conosco o tempo todo e nos envia respostas, mensagens e sinais, de acordo com nossos desejos e necessidades? Estes sinais se manifestam através do fenômeno que conhecemos como sincronicidade, ou seja, no momento em que você necessita de algo, ou de que alguma situação aconteça, aquilo se manifesta repentinamente em sua vida. Mas eles não se apresentam somente com soluções grandiosas ou espetaculares. Manifestam-se igualmente nos acontecimentos rotineiros. A prova incontestável de que você está vivendo e atuando numa parceria harmoniosa com a vida, é a presença destas sincronicidades em seu dia-a-dia. Para percebê-las, é necessário que você esteja atenta e consciente de que o Universo sempre responde, de alguma forma, a todos os seus pedidos. Se você vinha recebendo estes presentes e, de repente, eles pararam de acontecer, saiba que algo saiu do eixo em seu plano de vida..... É indício de que você se deixou perturbar por alguma forma de negativida…

עילי בוטנר ורן דנקר - בואי נעזוב