Pular para o conteúdo principal

Superficialidade em tempos pós-modernos



Depois de passarmos pela Modernidade, agora vivemos o tempo da modernidade contemporânea (ou pós-modernidade), onde a marca fundamental da sociedade atual está na modificação do trabalho, no desenvolvimento tecnológico e na criação de signos e símbolos.

O homem tem vivido em seu cotidiano a praticidade, a tecnologia crescente, a diversidade de opções, e o capitalismo pós-moderno enquanto sistema acelerado, mutável e sistemático. O problema é que a socialização passa a ser flexível e volátil, o homem acaba não dando prioridade e devido valor às relações interpessoais, e quando o faz, geralmente o faz de maneira superficial (mas não estou generalizando!), pois sabemos que é muito mais cômodo revelar aos outros apenas o superficial, assim não corremos o risco de sermos julgados ou rejeitados.

Vive-se uma vida muito corrida ,o pior é quando o indivíduo chega num estágio em que ele já nem sabe mais quem ele é, não se conhece e, por isso, cai no risco de mentir para si mesmo. Se compararmos a personalidade humana com uma grande casa, a maioria das pessoas não conhece nem mesmo a sala de visitas do seu próprio ser. Parece bobagem, mas ainda é importante sabermos dialogar com nosso mundo interior. A ausência de autodiálogo tem suas conseqüências.

Na minha opinião, Deus é aquele que conhece o mais íntimo do ser humano. Ele pode se revelar a nós e mostrar quem somos. Basta procurarmos por Ele de todo o coração. Mas isso já é um outro assunto e as opiniões das pessoas são diversas...

Vivemos tempos onde agir superficialmente com as pessoas se tornou algo natural (“cultura da superficialidade”). Não nos envolvemos, logo não somos magoados. Mas a verdade é que isso é uma ilusão. É uma tamanha imaturidade pensar dessa forma.

O mundo mudou. A roda girou e gira cada vez mais rápido. Fica cada vez mais complicado encontrar amizades verdadeiras. Amizade só. Aquela sem querer nada em troca. Amigo somente, sem resultados. Mas o mundo pós-moderno é o mundo dos resultados, no qual tudo é contabilizado: o tempo (que não tem tempo a perder); o amor (que precisa ser restaurado!); o olhar (narcisista, que enxerga primeiramente a si mesmo), o ouvir (que privilegia escutar seu próprio eco).

O mundo e as pessoas mudam, é certo. Mas não podemos simplesmente nos conformar com a forma que o mundo quer impor sobre nós. Podemos restaurar e preservar os valores perdidos, e dar outro rumo às nossas vidas! Para isso é preciso ter uma convicção firme naquilo que cremos, e eu tenho a minha.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

12 maneiras de jogar energia fora...

Por mais que existam pessoas desequilibradas e difíceis nós é que somos responsáveis pelas nossas energias e cabe a cada um de nós preservá-la e administrá-la da melhor forma possível. Existem “receitinhas”, orações, banhos, cristais e um arsenal de proteção, que são válidos e eficientes até um certo ponto. Porque aquele que não assume a responsabilidade por suas venturas e desventuras sempre estará vulnerável às energias ao seu redor. Sabe por que o outro rouba a sua energia? Porque você deixa a porta aberta!!! E depois ainda diz que a culpa é do outro… Para ajudar a refletir, fiz uma listagem de doze atitudes (e olhe que a lista é imensa!) que gastam uma tremenda energia vital. Uma vez desvitalizado e sem proteção fica fácil para qualquer um chegar perto e perturbar seu equilíbrio. Use esta listagem também para pensar porque a prosperidade às vezes passa longe de você. A energia que seria usada para atrair o bem, a felicidade, o amor, o dinheiro acaba sendo gasta de …

Agradecer sempre!!!

Você sabia que o Universo se comunica conosco o tempo todo e nos envia respostas, mensagens e sinais, de acordo com nossos desejos e necessidades? Estes sinais se manifestam através do fenômeno que conhecemos como sincronicidade, ou seja, no momento em que você necessita de algo, ou de que alguma situação aconteça, aquilo se manifesta repentinamente em sua vida. Mas eles não se apresentam somente com soluções grandiosas ou espetaculares. Manifestam-se igualmente nos acontecimentos rotineiros. A prova incontestável de que você está vivendo e atuando numa parceria harmoniosa com a vida, é a presença destas sincronicidades em seu dia-a-dia. Para percebê-las, é necessário que você esteja atenta e consciente de que o Universo sempre responde, de alguma forma, a todos os seus pedidos. Se você vinha recebendo estes presentes e, de repente, eles pararam de acontecer, saiba que algo saiu do eixo em seu plano de vida..... É indício de que você se deixou perturbar por alguma forma de negativida…

עילי בוטנר ורן דנקר - בואי נעזוב