Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2010

Lições do Bambu

Talvez essa seja uma das características mais conhecidas do bambu. Os antigos chineses aprenderam a importância da FLEXIBILIDADE ao observar como essa planta se comporta numa ventania. Perceberam que uma árvore rígida quebra-se com um vento muito forte. O bambu não. Ele se curva e depois que o vendaval passa, volta intacto à posição original. A flexibilidade é a capacidade de se adaptar às circunstâncias da vida, significa não ter posturas rígidas em termos físicos ou psíquicos. Uma pessoa de moral rígida demais também pode se "quebrar" como um carvalho ao vento.
Segundo os sábios orientais, a rigidez é sinal de morte. Uma pessoa rígida não vive, está morta, é como o tronco de uma árvore seca. Flexibilidade é sinal de vida. Uma planta viva é flexível, uma planta morta é rígida. Um bebê é flexível e cheio de vida, o idoso é mais duro e sem a mesma vivacidade da criança.
Flexibilidade também envolve o conceito de não-resistência. No sentido mais profundo, flexibilidade significa…

Guia básico da Meditação

Li uma matéria muito interessante no siteITodas sobre meditação. Gostei tanto que decidi compartilhar aqui com vocês, pois acredito que a meditação é uma das principais maneiras de entrarmos em contato com a divindade em nós. Meditar é um exercício fundamental para aprendermos a 'calar' a mente, e acessarmos o nosso Eu Superior. Esta conexão provoca uma expansão de consciência que nos traz grandes revelações e nos transforma para sempre. Este é um convite para você conhecer um pouco mais do seu "jardim secreto interior". Boa leitura e boas meditações!

Meditações orientais:
.
VIPASSANA
O que é:
Vipassana, em páli, significa o processo de atingir a consciência total do momento presente, com clareza e sabedoria. Também é chamada de meditação do insight, da percepção expandida.
Como é: Sente-se, relaxe e olhe para o que lhe chama mais atenção; pode ser a respiração, uma sensação corporal, um pensamento ou todos juntos. O objetivo é simplesmente testemunhá-lo com lucidez e, à …

Comprendendo as doenças e suas mensagens

Ouvi pela primeira vez há uns 15 anos atrás, através do psicólogo Luiz A. Gasparetto, que a doença seria um alerta do nosso corpo para mudarmos um determinado tipo de comportamento. Aquilo fez todo o sentido pra mim, pois acredito que o nosso corpo se comunica conosco de muitas formas e a doença certamente é uma delas. Algum tempo depois conheci o trabalho da Louise Hay, autora do livro – "Você pode Curar sua Vida". Louise nos diz que toda doença é um reflexo dos nossos pensamentos e crenças interiores. Neste livro consta uma lista de doenças e os prováveis padrões mentais causadores daquelas enfermidades.
Outro livro maravilhoso sobre este tema é "A Doença Como Caminho", de Rüdiger Dahlke e Thorwald Dethlefsen, que trata do conteúdo psicológico associado a vários tipos de doenças e incidentes, os quais por não conseguirmos trabalhar adequadamente em nossa psique, passam a fazer parte da nossa "sombra", não sendo percebidos conscientemente, manifestando-se…

Orientação Divina

Às vezes, precisamos de muita coragem para abandonar estruturas que construímos durante a vida e seguir os sinais que nos indicam novos caminhos...
O universo tem uma lei, uma harmonia, que a gente desconhece...
Ficamos "perdidinhos" quando algo muda e foge de nossas mãos...
Não deixamos as mudanças virem facilmente... É como se a gente segurasse o destino andando com o freio de mão puxado!
Quando finalmente aceitamos que o desenho da vida não nos pertence e que existe no universo uma trama de fios mais grandiosa e complexa, tudo muda, tudo parece clarear...
Ficamos mais atentos aos sinais que mostram caminhos, que se entrelaçam amorosamente com os desígnios divinos.
Deixamos de ser um ego que tenta controlar tudo a qualquer custo.
Finalmente cedemos e mudamos.

Isso chamamos sincronicidades!
E quando ela se manifesta é porque vem nos preparar para alguma coisa...
São, muitas vezes, pequenos milagres em nossa vida...

HISTÓRIA DO RIO AMARELO! ( Pe. Fábio de Melo )

Recebi um email que me fez pensar...

A pessoa me disse: "Padre Fábio, você tinha tudo pra dar errado, mas não deu..."

Ela disse depois de ter me acompanhado em diversas entrevistas. Ela foi capaz de reunir as peças do quebra cabeça de minha vida e concluir o que concluiu.

Fiquei pensando no quanto ela tem razão. A vida nunca foi fácil pra mim. Nasci no limite e cresci nele. Nunca tive muitas oportunidades. Minha vida foi marcada pela pobreza, pelas dificuldades e pelo sofrimento.

Mesmo assim eu insisti que poderia ser diferente. E o que me levava adiante era a minha teimosia em sonhar sempre.

Talvez seja por isso que hoje, no exercício do meu ministério sacerdotal, eu insista tanto em levar as pessoas ao cultivo dos sonhos. Sonhos que se abracem à realidade e que se realizem aos poucos, pela força de Deus, manifestada na força dos homens...

Vejo muitas pessoas que não estão dando certo...
Vejo muitas pessoas se desprenderem de suas verdadeiras essências...
Vejo muitas pessoa…

Conhecendo a Melhor Maneira de Viver Sozinho

No texto podemos ler o sutra do Buda sobre a melhor maneira de viver sozinho. Ele diz que a melhor maneira é habitar na plena consciência. Estar consciente do que está acontecendo no momento presente, o que está acontecendo no seu corpo, sentimentos, mente e objetos da mente. Saber como olhar em profundidade para as coisas no momento presente. Não perseguir o passado nem se perder no futuro, porque o passado não mais existe e o futuro ainda não chegou. A vida só pode acontecer no momento presente. Se perdermos o momento presente, perderemos a vida. Conhecendo a Melhor Maneira de Viver Sozinho

No dia seguinte, durante sua palestra de Dharma, o Buda chamou o Venerável Thera. Perguntou a ele: “É verdade que você prefere ficar consigo mesmo e que faz todas as coisas sozinho, evitando contato com os outros bhikkhus?”O bhikkhu respondeu:“Sim, senhor, é verdade. Você tem nos ensinado a ser auto-suficiente e praticar estar sozinho.”O Buda se voltou para a comunidade e disse: “Bhikkhus, eu expl…

Equilibrio

"Equilíbrio, é a habilidade
De olhar para a vida
À partir de uma perspectiva clara,
Fazer a coisa certa no momento certo.
Uma pessoa equilibrada
Será capaz de apreciar a beleza
E o significado de cada situação
Seja ela adversa ou favorável.
Equilíbrio é a habilidade de aprender
Com a situação e de prosseguir
Com sentimentos positivos.
É estar sempre alerta,
Ser totalmente focado,
E ter uma visão ampla.
Equilíbrio vem do entendimento,
Humildade e tolerância.
O mais elevado estado de equilíbrio
É voar livre de tudo e,
Ainda assim, manter-se
Firmemente enraizado
Na realidade do mundo."
※ Brahma Kumaris※