Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto 10, 2009

Tudo começa num ponto....

Quando você toma uma iniciativa, seja ela qual for, o seu mundo parece que se transforma. Você se sente mais confiante para fazer o que antes não tinha coragem. Novas possibilidades se abrem e, de repente aquele lugar que você sempre quis ir, já não fica mais tão longe.
Então a vida fica mais clara... ganha mais sentido. E descobrir, agora é uma palavra constante no seu dia-a-dia. Você descobre que o seu poder de decisão é muito mais forte do que imaginava. E que a palavra cuidado faz muito mais sentido quando você a transpõe para outras pessoas.

Descobre que cuidar de si, é a melhor forma de continuar cuidando das pessoas que você ama. Descobre também, que se dar valor é, antes de tudo, dá valor à vida. E quando você se conhece e acredita no seu potencial os sonhos que antes pareciam inalcançáveis, podem se tornar surpreendentemente reais.

De repente, você olha para trás e nem acredita que conseguiu realizar tanta coisa. Então descobre o melhor de tudo. Realizar os seus sonhos não começ…

Entre a " DOR" e o " NADA", o que vc prefere?

Não quero defender as relaçoes falidas e que só fazem mal, nem estou sugerindo que as pessoas insistam em sentimentos que não são correspondidos, em relacionamentos que não são recíprocos, mas quero reafirmar a minha crença sobre o qto considero válida a coragem de recomeçar, ainda que seja a mesma relação; com coragem de continuar acreditando, sobretudo porque a dor faz parte do amor, da vida, de qualquer processo de crescimento e evolução.
Qdo vc se pergunta " do que adianta amar", tentar, entregar-se, dar o melhor de mim, se depois vem a dor da separação, do abandono , da ingratidão?, pense nisso: entao vc prefere a segurança fria e vazia das relaçoes rasas? Então voce prefere viver a vida sem intensidade, os passos sem busca, os dias sem o desejo do amor? Voce prefre o nada, simplismente para não ter dor?.
Não quero dizer que a dor seje facil, mas pelo amor de deus, que me venha a dor impagavél do aprendizado que é viver. Que me venha a dor inevitável à qual as tentativas …