Pular para o conteúdo principal

O perigo de julgar os outros



Uma pessoa quando está apaixonada até acha graça em características da pessoa amada que outros consideram como defeitos. Todavia, muitas vezes, com o desgaste do convívio rotineiro pode ser que nasçam sentimentos de aversão, que degenerem até em raiva e ódio, e os cônjuges, antes apaixonados, começam a diagnosticar um monte de defeitos um no outro, transformando o diálogo romântico em troca de acusações, o que pode degenerar em separação e divórcio. O interessante é que nenhum dos parceiros mudou, mas, sim, o que mudou foi a atitude mental de quem observa... A postura mental, antes sob a égide da paixão, passou a modificar-se com o desgaste da rotina do convívio, no dia a dia, e o que antes era bem passou a ser mal.

Ao conviver e observar as outras pessoas, devemos pensar que os outros estão a ser observados segundo a nossa postura mental, segundo as nossas crenças e valores, que podem não ser os mesmos de quem consideramos falhos e defeituosos. Por isso, devemos sempre repensar o nosso “critério do bem e do mal” antes de julgarmos alguém, porque esse conceito pode ser muito subjetivo. Assim, quando alguém diz “ele é ruim” pode querer dizer “ele é inconveniente para mim, porque não satisfaz o meu ego”; ao dizer “o meu filho é rebelde”, pode significar “ele não satisfaz a minha soberana vontade”, quando com um pouco mais de humildade poderia ser “nunca tomo tempo para perguntar ao meu filho o que ele acha ser melhor para o desenvolvimento dele”, o que o faria refletir sobre os problemas que ele mesmo teria que resolver.. Enfim, o mesmo serve para qualquer outra pessoa, marido, esposa, amigo, colega de trabalho, etc.

O critério de bem e mal deve estar baseado na “Ética dos Princípios”, divinamente embasados, e não na “Ética de Resultados”, melhores para mim. De qualquer modo, antes de julgar alguém, cultivemos o hábito de não ver a pessoa a partir da nossa posição, mas colocando-nos no lugar dela... É bom experimentar calçar os sapatos do outro, embora eles possam não servir para mim!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

12 maneiras de jogar energia fora...

Por mais que existam pessoas desequilibradas e difíceis nós é que somos responsáveis pelas nossas energias e cabe a cada um de nós preservá-la e administrá-la da melhor forma possível. Existem “receitinhas”, orações, banhos, cristais e um arsenal de proteção, que são válidos e eficientes até um certo ponto. Porque aquele que não assume a responsabilidade por suas venturas e desventuras sempre estará vulnerável às energias ao seu redor. Sabe por que o outro rouba a sua energia? Porque você deixa a porta aberta!!! E depois ainda diz que a culpa é do outro… Para ajudar a refletir, fiz uma listagem de doze atitudes (e olhe que a lista é imensa!) que gastam uma tremenda energia vital. Uma vez desvitalizado e sem proteção fica fácil para qualquer um chegar perto e perturbar seu equilíbrio. Use esta listagem também para pensar porque a prosperidade às vezes passa longe de você. A energia que seria usada para atrair o bem, a felicidade, o amor, o dinheiro acaba sendo gasta de …

עילי בוטנר ורן דנקר - בואי נעזוב

Agradecer sempre!!!

Você sabia que o Universo se comunica conosco o tempo todo e nos envia respostas, mensagens e sinais, de acordo com nossos desejos e necessidades? Estes sinais se manifestam através do fenômeno que conhecemos como sincronicidade, ou seja, no momento em que você necessita de algo, ou de que alguma situação aconteça, aquilo se manifesta repentinamente em sua vida. Mas eles não se apresentam somente com soluções grandiosas ou espetaculares. Manifestam-se igualmente nos acontecimentos rotineiros. A prova incontestável de que você está vivendo e atuando numa parceria harmoniosa com a vida, é a presença destas sincronicidades em seu dia-a-dia. Para percebê-las, é necessário que você esteja atenta e consciente de que o Universo sempre responde, de alguma forma, a todos os seus pedidos. Se você vinha recebendo estes presentes e, de repente, eles pararam de acontecer, saiba que algo saiu do eixo em seu plano de vida..... É indício de que você se deixou perturbar por alguma forma de negativida…